Páginas

quarta-feira, 1 de julho de 2009

PROJETO: Alimentação Saudável

DURAÇÃO: 6 meses


JUSTIFICATIVA:
A escola é um espaço privilegiado para a promoção da saúde e desempenha papel fundamental na formação de valores, hábitos e estilos de vida, entre eles o da alimentação.
A promoção de uma alimentação saudável no espaço escolar pressupões a integração de ações em três pontos fundamentais:

(1) ações de estímulo à adoção de hábitos alimentares saudáveis, por meio de atividades educativas que informem e motivem escolhas individuais;

(2) ações de apoio à adoção de práticas saudáveis por meio da oferta de uma alimentação nutricionalmente equilibrada no ambiente escolar e

(3) ações de proteção à alimentação saudável, por meio de medidas que evitem a exposição da comunidade escolar a práticas alimentares inadequadas.
O mercado da alimentação tem sido um dos mais prósperos da última década e sua conceituação vem se aperfeiçoando de segurança alimentar para segurança do alimento. De norte a sul, de leste a oeste, o assunto “Alimentação Saudável” é mais do que um tema: é uma meta.
Neste contexto, Implantar uma campanha educacional sobre o Alimento Saudável por meio da disseminação da informação e da organização do caminho do alimento desde sua produção, perpassando pelo fornecimento de insumos da produção até a escolha do cardápio do consumidor final é um importante instrumento de conscientização.
Assim, consciente de que o tema se insere ou, deve ser inserido, no primeiro campo de ação da prática pedagógica, observando a crescente curiosidade dos alunos a respeito dos alimentos e a valorização crescente em nosso país pela cultura “Fast-food”, é que se faz necessário esse projeto.

OBJETIVO GERAL:
Promover o consumo de alimentos saudáveis e a consciência de sua contribuição para a promoção da saúde de uma forma atraente, lúdica e educativa.


OBJETIVO ESPECÍFICO:
* Conscientizar os alunos sobre a importância e os motivos pelos quais nos alimentamos;

* Reconhecer os alimentos que faz bem à nossa saúde;

* Identificar cores, textura e os diferentes sabores dos alimentos.

* Pesquisar e registrar sobre a alimentação da família;

* Buscar informações em diferentes fontes de forma a verificar e comprovar hipóteses feitas sobre o assunto;

* Identificar semelhanças e diferenças entre os hábitos alimentares dos alunos;

* Refletir sobre as suas ações diárias em relação a sua saúde, o que engloba cuidado e preservação com o meio ambiente e com a higiene;

* Valorizar atitudes relacionadas à saúde e ao bem estar individual e coletivo;

* Valorizar o momento reservado à alimentação.


ÁREAS DO CONHECIMENTO/CONTEÚDO
*
Linguagem oral e escrita:

Interpretações pessoais
Pseudoleitura/Pseudoescrita
Narração de fatos
Escrita espontânea
Reconhecimento de letras

*Leitura oral de gêneros textuais instrucionais

Reconto
Escrita espontânea
Formação de palavras por troca de letras

Produção textual individual e coletiva
Linguagem Matemática:
Sistema de numeração (identificação, traçado e contagem)
Grandezas e medidas (sistemas de medida não-convencionais)


*Agrupamentos

Noções de operação (divisão)
Situações problemas (adição e subtração)
Noções de números pares e ímpares
Situações-problema
Sistema monetário
Seriação:
(Semelhança/diferença; pertinência/correspondência)

*Artes

Linguagem visual
Poesia
Música
Modelagem
Pintura
Desenho

*Ciências

Nosso corpo (higiene corporal)
Meio ambiente (produção de alimentos)
Vegetais
Nutrição e desnutrição
Horta

*História/geografia

Modos de alimentação dos grupos sociais;
Regras e princípios sociais;
TempoRECURSOS/ESTRATÉGIAS
Roda de conversas
Cozinha experimental
Músicas
Teatro
Pesquisas em diversas fontes (revistas, livros de receitas infantis, vídeo...)
Recorte, colagem e modelagem
Desenho livre
Alfabeto Móvel
Sucatas

PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS (AÇÕES)


Conversa e registro (desenhos) sobre a alimentação preferida das crianças;
Registro dos alimentos mais consumidos na família;
Identificação de semelhanças e diferenças entre hábitos alimentares dos alunos;
Construção de charadas que misturem informações sobre formas, cores e tamanhos das frutas, verduras e legumes;
Construção de jogo da memória a partir de imagens de frutas, verduras e legumes recortadas pelos alunos;
Identificação de frutas, verduras e legumes através do olfato e tato, utilizando a caixa surpresa;
Análise das obras do pintor Archiboldo Giuseppe, que utilizou frutas, verduras e legumes na construção das suas obras;
Solicitar que cada aluno traga de casa uma fruta, verdura ou legumes e conversar sobre as preferências através da degustação;
Trabalhar com recorte de frutas, verduras e legumes e pedir que os alunos construam um prato que represente uma alimentação saudável;
Utilização da horta para plantação das hortaliças de rápido crescimento, fazendo a avaliação semanal com registro;
Preparação e degustação de receitas saudáveis;
Preparação de lanches saudáveis;
Organização de um livro de receitas baseado na história “A Cesta da dona Maricota”

PRODUTO FINAL
Finalizaremos o projeto com a elaboração de um livro contendo todo o trabalho realizado pelos alunos.

AVALIAÇÃO
A avaliação ocorrerá de forma coletiva, com a participação do grupo. Neste momento os alunos se posicionarão sobre os pontos positivos e negativos do projeto, traduzida em relatos expostos na sala em espaço especialmente organizado e também através de relatório organizado pela professora.

BIBLIOGRAFIAMARTINS, Rosicler. Vida e Alimento. São Paulo: Moderna, 1993.Revista Cozinha Prática. Publicação editada pela parceria Instituto do Coração e Edições Cozinha Saudável (Internet).BELINK, Tatiana. A cesta da dona Maricota. São Paulo: Paulinas, 2005.

Colégio Curumim II
Professora: Fernanda Reis Dias

Um comentário:

Consultora Educacional disse...

Gosto muito dos artigos de seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver meu Curso de Informática online.Emily Nascimento