Páginas

sexta-feira, 8 de agosto de 2008








O que é folclore?

FOLCLORE É A SABEDORIA POPULAR.
É A PRESERVAÇÃO DA NOSSA CULTURA.
COMO AS ÁRVORES PROTEGEM O SOLO, A TRADIÇÃO PROTEGE A ALMA DO POVO, EVITANDO QUE AS RESERVAS DO PASSADO SE DISSOLVAM AO EMBATE DAS TRANSFORMAÇÕES COTIDIANAS DA EXISTÊNCIA.
É UM PATRIMÔNIO CULTURAL SUCESSIVAMENTE TRANSMITIDO DE PAI PARA FILHOS.
É UM ELO QUE UNE O POVO BRASILEIRO NO TEMPO E NO ESPAÇO.
FOLCLORE É O UNIVERSO ONIPRESENTE E TRANSITÓRIO FORMADO PELOS MITOS, CONTOS, VERSOS, FESTAS, COMIDAS, DANÇAS, REZAS, SIMPATIAS, CRENDICES, ANEDOTAS, ADIVINHAS, CANTIGAS, BRINCADEIRAS, DITADOS, PARLENDAS, FRASES FEITAS, ETC., INVENTADOS PELO POVO E DO TAMANHO DO INFINITO.

Agosto é mês de Folclore...

Trava-línguas:

1) Casa suja, chão sujo

2) No meio do trigo tinha três tigres.

3) Três pratos de trigo para três tigres tristes!

4) A vaca malhada foi molhada por outra vaca molhada e malhada.

5) Atrás da porta torta tem uma porca morta.


6) A naja egípcia gigante age e reage hoje, já.

7) A babá boba bebeu o leite do bebê.

8) A rua de paralelepípedo é toda paralelepipedada.

9) Bagre branco, branco bagre.

10) Bote a bota no bote e tire o pote do bote.

11) Caixa de graxa grossa de graça.

12) Essa trava é uma trova pra te entravar. Entravar com uma trova é uma trava de lascar!

13) O tatuador tatuado tatuou a tatua do tatu. Tatua tatuada enfezada, tatuou o tatu e o tatuador já tatuado!

14) Num ninho de mafagafos, havia sete mafagafinhos;
quem amafagafar mais mafagafinhos, bom amagafanhador será.


15) Luíza lustrava o lustre listrado; o lustre lustrado Luzia.

16) Cozinheiro cochichou que havia cozido chuchu chocho num tacho sujo.

17) Se o papa papasse papa, Se o papa papasse pão, Se o papa tudo papasse, Seria um papa-papão

Para o dia dos pais...

A amiga Célia Rodrigues, postou essa idéia no seu blog, e eu achei bem legal!